Fazer Orçamento

X

Faça agora um orçamento gratuito

*Entrega exclusiva para Minas Gerais

Telhas termoacústicas: 4 vantagens sobre outras telhas

Na hora de escolher o tipo de telha a ser usada na sua obra, você vai se deparar com várias opções. Mas nem todas vão se encaixar perfeitamente na estrutura do empreendimento, com características e benefícios adequados. Para não ter problemas futuros com a qualidade e a durabilidade desse produto, vale pesquisar bastante cada modelo. Neste post, vamos mostrar alguns aspectos sobre isso e as vantagens das telhas termoacústicas. Confira:

O que são telhas comuns?

Existem diversos modelos de telhas consideradas como “comuns”. Elas ganham essa denominação por serem comumente usadas em obras e edificações. Existem diversos modelos desses materiais e entre eles podemos destacar:

– Telhas de cerâmica;

– Telhas de concreto;

– Telhas de fibrocimento;

– Telhas naturais;

– Telhas de amianto.

Há ainda outros modelos de telhas no mercado, como as de vidro, acrílico, policarbonato e outras que, apesar de menos comuns, também podem ser encontradas nos comércios especializados.

Não retém o calor

Vivemos em um país tropical e com altas temperaturas registradas durante quase todo o ano. Por esse motivo, especialmente em galpões e imóveis industriaisé necessário ter maior cuidado com o isolamento térmico.

No mercado, há tipos de telhas que reduzem a transferência de calor externo para o interior da construção. As telhas “sanduíche”, por exemplo, garantem uma eficiência até 97% maior do que um telhado de concreto. Além de diminuir os gastos com climatização, esse isolamento proporciona condições mais agradáveis de trabalho, o que pode refletir em ganhos de produtividade.

TELHAS SANDUÍCHE: O GUIA DEFINITIVO

Uma solução versátil e com inúmeras vantagens, mas você sabe quais?

Não impedem a propagação de barulho

Assim como o calor, o excesso de ruído também pode ser prejudicial ao rendimento dos trabalhadores de uma empresa. Da mesma forma, o excesso de barulho produzido dentro dela pode incomodar os vizinhos. Por isso, em muitos casos existe a necessidade de isolamento tanto interno quanto externo.

Com a mesma estrutura usada para reter o calor, as telhas “sanduíche” também impedem a transmissão sonora entre ambientes, criando uma barreira acústica de até 40 decibéis. Isso porque, como o próprio nome já sugere, elas são formadas por duas camadas metálicas nas extremidades e uma camada de material isolante (como o isopor) entre elas.

Precisam de estrutura reforçada

Telhas consideradas comuns, como as de cerâmica, de amianto e de concreto, precisam de uma estrutura reforçada para a instalação. O metro quadrado das peças de cerâmica e concreto varia entre 40 kg e 50 kg. Além disso, no caso dos modelos feitos de cerâmica e concreto, as telhas por serem menores, têm de ser instaladas individualmente no próprio local da obra, o que gera entulho e desperdício. 

Já as telhas termoacústicas pesam de 12 kg a 14 kg por metro quadrado e são fabricadas com precisão dimensional já adaptada à construção. Isso significa que, além de leve, o produto é entregue sob medida e pronto para ser instalado, sem necessidade de quebrar ou cortar.

Custo-benefício das telhas termoacústicas

Ao optar por um tipo de telhado convencional, geralmente com absorção de água, provavelmente você terá despesas extras após um tempo para aumentar a proteção e a segurança da sua construção, além da manutenção. O uso de telhas termoacústicas, por sua vez, garante um menor custo final da obra, além da possibilidade de reutilização.

As telhas termoacústicas são fundamentais para garantir mais benefícios e segurança à obra, demandando orçamento e tempo de construção menores. Você tem alguma dúvida sobre esse assunto? Comente abaixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *