Fazer Orçamento

X

Faça agora um orçamento gratuito

*Entrega exclusiva para Minas Gerais

Saiba mais sobre a engenharia sustentável

A engenharia sustentável é uma temática cada vez mais relevante no ramo da construção civil. Engana-se quem pensa que este é um interesse apenas de “ambientalistas”. O fato é que o conceito de sustentabilidade tem a ver com mais do que essa questão.

A ideia de sustentabilidade diz respeito ao uso inteligente de recursos. Essa perspectiva, para uma obra de construção civil, oferece possibilidade de desenvolvimento de projetos que beneficiam desde questões operacionais até o usufruto do espaço construído. A seguir vamos falar mais sobre o assunto!

A aplicabilidade da engenharia sustentável

As aplicações da engenharia sustentável não se restringem aos canteiros de obra e seus resultados. Suas práticas, inclusive, já estão presentes em indústrias, como as de manufatura, sistemas de energia e transporte.

Sua aplicabilidade se estende a qualquer contexto no qual exista consumo de energia e de recursos. Em suma, o que essa abordagem da engenharia propõe é o uso do conhecimento científico para o melhor aproveitamento do espaço, dos materiais e da energia: todos esses fatores convergindo para qualidade de vida humana e de seu ambiente.

Portanto, a ideia é conferir maior eficácia às obras e demais operações, tanto em seu processo quanto em seu resultado. Uma das consequências dessa perspectiva, para além dos benefícios sociais e ambientais, é o aumento da lucratividade para seus adeptos.

Embora a engenharia sustentável possa ser aplicada em reformulações de espaços, seus benefícios serão mais evidentes quando essa perspectiva for utilizada desde o início de um projeto. Um dos motivos é a competência dos sistemas sustentáveis em melhorar o desempenho e vida útil de equipamentos e materiais de construção.

Conheça algumas soluções da engenharia sustentável

Embora não seja, necessariamente, um conceito novo, a engenharia sustentável tem ganhado maior atenção no Brasil atualmente. Em outros países, como os EUA, ela já possui um mercado relevante.

As pesquisas nessa área são contínuas, portanto, muitas novidades estão por vir. Dentre as alternativas já existentes nessa área e que chamam a atenção, podemos citar:

Bioconcreto: trata-se de um concreto capaz de se autorregenerar devido à presença de bactérias na sua composição;

Reutilização de plástico para alvenaria: esse uso se destaca, particularmente, pelo consumo de blocos de alvenaria produzidos com plástico reciclável;

Vidros inteligentes: são vidros que podem ser programados para se adequarem à iluminação e desejo de privacidade dos usuários, o que proporciona, por exemplo, a redução do consumo de energia elétrica;

Painéis Fotovoltaicos: tratam-se de painéis, geralmente instalados no telhado, que convertem energia térmica em energia elétrica;

Estruturas de aço: permitindo as mais diversas aplicações, desde a estrutura da construção até o telhado, conforme a qualidade do aço proporcionará durabilidade, resistência, conforto termoacústico, redução de resíduos durante a construção e se trata de um material 100% reciclável.

A engenharia sustentável apresenta muitas outras soluções e várias, como já dissemos, estão por vir a partir do resultado de novas pesquisas. Contudo, é preciso lembrar que ela não é apenas um conjunto de “materiais” e alternativas isoladas, mas a composição de um projeto que visa, globalmente, proporcionar um melhor uso dos recursos de maneira inteligente e qualificada.

Continue se atualizando sobre diversos assuntos de interesse do construtor seguindo a Galvaminas nas redes sociais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *